O Alub muda a sua vida

O Alub muda a sua vida

Tão pequena
tão forte
Tão Serena
diante da sorte
Que lhe faltou
quando na cama elástica pulou..

E o que era tão comum fazer…
Acabou por lhe fazer sofrer
O final de semana que era de diversão
acabou se tornando de internação

E de repente …
a menina contente,
Teve que ficar sem andar
E agora o quê que há??
Para uma menina de 4 anos realizar?
Sem a perna poder apoiar!!!

Então,
a solução foi se arrastar
pelo chão
Em busca de  alguma
diversão

Vamos lá!!!
Eu quero é estudar,
não dá
para parada  ficar…

Que bom poder contar
com uma escola que parece ser o meu lar…
De gesso e tudo foi para o ALUB.
Mas, nem notar algo diferente eu pude…

Porque aqui no ALUB…
Todos se ofereceram a me ajudar…
E com essa atitude ficou fácil melhorar…
E, hoje só posso a minha escola amar…
E já ia me esquecendo de informar
que podem de Laís me chamar…
Mas, que na verdade
sou a guerreira Laís,
aquela que só quer ser feliz.

Texto escrito pela mamãe Cláudia Brito, inspirada nos acontecimentos reais do início do ano de 2018, com sua filha Laís de Brito, aluna da educação infantil de 4 anos turno vespertino na unidade do Alub em Ceilândia, 16 de Abril de 2018.

Relacionados


Veja todos